Visual

Saindo do clima "aprendizagem na área" do meu último post, hoje vou falar de agências de comunicação e seus visuais.
Tem sempre aquela história, casa de ferreiro, espeto de pau. Ok, sabemos que a imagem da nossa querida profissão não anda lá muito boa, mas esse ditado não é de todo verdadeiro não. Podemos perceber isso apenas visitando uma agência qualquer.
Todo mundo da área sabe que entrando em uma agência você vai encontrar pelo menos muuuuitos computadores, coisinhas coloridas, bichinhos e pessoas estranhas (espero que ninguém se sinta ofendido por eu estar, nesse post, considerando os profissionais uma decoração).
Fato é que uma agência de comunicação nunca terá um visual que lembre as empresas que vemos em filmes e novelas, cheia de poltronas cinzas, vasos quadrados com plantas artificiais.
Eu não me surpreenderia se entrasse em uma agência e me deparasse com um bonzai de pau brasil, ou uma poltrona multi-colorida em forma de mão, ou um painel cheio de desenhinhos estilo happy tree friends ou até mesmo uma mesa de sinuca de vidro, entre outras coisinhas incomuns.

Tá! As agências em geral parecem inspiradas em desenho animado, mas e daí? Que diferença isso faz?
Bom. Imagina só. Você é um cliente, tem uma empresa numa área super saturada, a primeira do mercado surgiu lá pra mil novecentos e guaraná com rolha e todas as concorrentes parecem iguais. Ai você resolve reposicionar sua empresa, tentar ganhar mais mercado, pois qualidade não falta, falta se destacar. Ai você sai da sua empresa, mundinho real, liga para aquele sobrinho todo alternativo, que só anda de allstar, tem bonequinhos tatuados nas pernas e adora camisetas coloridas com frases que deveriam fazer algum sentido, mas não fazem, e pergunta:
"Oh, meu filho, tô querendo ir lá naquela agência que você trabalha, ver se dá pra dar uma cara diferente pro meu negócio, sabe?"
Ele te passa o endereço, você vai até lá desconfiado e ao entrar na agência, de repente, se vê submerso em um mundinho de cores, formas, gente diferente, computadores ligados e uma movimentação frenética.
O que você pensa???
"Tá! Se eles não conseguirem dar uma cara nova e diferente ao meu negócio ninguém mais consegue!!"
Ai você é apresentado ao portifólio, começa a entender que não é só desenhar não, vê que tem pesquisa, que é tudo feito de maneira séria e pensada pra se adequar aquilo que você precisa e que a criatividade ta sim em tudo que é feito.
Pronto, a essa altura você já esta envolvido naquele clima todo e é até um choque sair daquele mundinho colorido e cair na buzinação e tons de cinza da cidade novamente.

Viu? Deu pra perceber a diferença que faz um ambiente bem trabalhado, criativo e único?
Só não podemos deixar de fora o bom senso e sair por ai embonecando o ambiente a todo custo! Afinal, uma agência de comunicação não é uma loja de brinquedos, nem um showroom da tool box!
O visual da agência tem que saber transmitir os seus valores, o seu clima, tem que saber mostrar aos seus clientes que a agência traz soluções, que ela pensa em cada detalhe. Afinal, que cliente vai querer deixar a identidade de sua empresa aos cuidados de uma agência que não se preocupa com a sua própria?
Tomados esses cuidados, o negócio é deixar o nosso local de trabalho o mais divertido, inspirador e diferente possível!
Que google que nada! Legal mesmo é trabalhar numa agência de comunicação!!

2 comentários:

Gustavo Almeida disse...

Falou e disse Taís: "que google que nada". Eu concordo que o bom mesmo é trabalhar numa agência de Comunicação, por mais estranha que ela possa parecer, mesmo sendo toda laranjada. Quanto ao bonsai, vale até dar o nome de Jurema! hahaha
Parabéns pelo texto!

Gustavo disse...

Nossa, menina... que delícia de texto! Parabéns e concordo em gênero, número e grau!

 
CRIA Plano © 2010 | Designed by Chica Blogger | Back to top