@ de Interatividade

Já que 17 de maio foi o Dia Internacional da Internet, que tal explorar um pouco um dos principais benefícios que essa mídia nos proporciona?

A interatividade está, felizmente, se tornando cada vez mais presente na publicidade. Muitas agências estão percebendo que podem se envolver muito mais com o público on-line interagindo com ele do que simplesmente enfiando um anúncio bem no meio da “informação alvo” da pessoa. Muitas, inclusive, conseguiram que esse anúncio se torne a informação alvo.

Hoje dou um destaque para os vídeos interativos, que são cada vez mais numerosos na web. Esse tipo de vídeo (geralmente feito especificamente para a internet) objetiva proporcionar ao público uma experiência lúdica e ativa, onde ele pode personalizá-lo ao seu modo, com suas escolhas. Ou seja, quem assiste não somente assiste. Podemos intervir no vídeo e até mesmo escolher seu direcionamento e conteúdo.

Separei alguns ótimos exemplos de empresas que utilizaram vídeos interativos em suas campanhas:


Depois de um protesto de clientes da Johnson & Johnson contra o cancelamento da fabricação do o.b. Ultra em 2010, a empresa resolveu reintegrar a marca aos seus produtos e ainda produziu esse clipe como um pedido de desculpas. Nele você pode colocar seu nome e vê-lo durante o vídeo e ainda, se tiver a sorte de ter um nome mais comum, escutá-lo (sim, o cara CANTA seu nome).
                                        

Nesse vídeo de uma campanha da rede de pizzarias australiana Hell Pizza, você ajuda o entregador a fazer uma entrega bem no meio de um apocalipse zumbi por meio de escolhas que você faz por ele. Tente não morrer.


O terceiro exemplo é a continuação de uma das campanhas de vídeos interativos mais populares do youtube. É do corretivo Tipp-Ex e funciona como uma máquina do tempo em vídeo. Nele você pode escolher para qual ano o caçador e o “Mr. Bear” vão ser levados para comemorem o aniversário e então acompanhar a sequência (recomendo os anos 0, 1970, 2000 e 2002).

Apesar da produção ser muito mais complicada e trabalhosa, os vídeos interativos têm se mostrado muito eficientes no que diz respeito à atração do público para o anúncio. As pessoas assistem não como se fosse uma propaganda, e sim como um conteúdo interessante com o qual elas podem interagir. Além disso, como o envolvimento é maior, eles mostram-se muito mais persuasivos e memoráveis. 

Por Hyu Oliveira

3 comentários:

Helena Corrêa disse...

Ele cantou meu nome!!! =D
Muito bacana a utilização da interatividade nas campanhas! Acredito que isso seja muito mais efetivo do que as propagandas tradicionais, e a internet permite isso!

Anônimo disse...

tô me divertindo com esse do entregador de pizza! eu lembro de uma campanha também, com o marcelo adnet, onde você tinha que adivinhar o nome do filme a partir das mímicas que ele fazia... era genial!

Arnaldo Barbosa Garcia disse...

A interatividade e personalização da publicidade é algo fascinante. Ao mesmo tempo em que a gente consome a campanha também participamos dela.
Um exemplo também é a genial propaganda da nike, que tem até um jogo do sonic no meio haha
http://www.youtube.com/user/nikefutebol
além de deixar cada jogador e produto em camera lenta, tem vários caminhos escondidos no vídeo.. super legal

 
CRIA Plano © 2010 | Designed by Chica Blogger | Back to top